Sunday, March 18, 2007

Dilema



Quando comecei esse blog em novembro de 2003 o objetivo era falar sobre a minha adaptacao `a nova vida aqui no Canadá. No entanto, de uns tempos para cá ando um pouco perdida sobre o que devo e o que nao devo falar por aqui. Juntou-se a isso a falta de tempo e o resultado foi inevitavel: o ritmo e a qualidade do blog cairam muito!

A vida aqui em Montreal já não apresenta tantas novidades. Olho para as coisas ao meu redor não mais com olhos surpresos de uma recém chegada mas sim como alguem que ja se considera praticamente em casa. Ja nao sinto necessidade de falar do frio ou da ultima tempestade de neve. Nem do sistema de transporte ou da organizacao da cidade. Deixo isso para as dezenas de blogueiros brasileiros que estão chegando por aqui. Alias, sejam todos muito bem- vindos!!!

Um dos assuntos que sempre rende muito 'e a vida profissional dos imigrantes. No entanto, foi so eu resolver falar da minha para acabar ficando brava. Vou aproveitar o momento para me desculpar pelo tom do ultimo post. Me irritei nao porque já nao ha muitos comentarios aqui no blog. Eu mesma sou culpada de visitar varios blogs e raramente deixar comentarios. Mas sim pela quantidade de e-mails que recebo de gente "cobrando" ajuda. Gente que nao se deu ao trabalho de fazer pesquisa e que quer respostas a todos os tipos de perguntas. Respostas que poderiam ser facilmente encontradas com um pouquinho de boa vontade no nosso querido Google, por exemplo. E claro que isso nao se aplica a todos (Adriana, pelo amor de Deus, a mensagem nao foi direcionada a voce). Ha muita gente bacana e educadissima com quem tive o prazer de entrar em contato por causa do blog mas tambem ja gastei horas e horas respondendo e-mails de pessoas que nao se deram o trabalho de responder agradecendo.

Ai sobra falar da vida pessoal. Dos passeios, das conquistas, das viagens, dos prazeres e dos desprazeres. Mas eu nao gostaria que o blog se tornasse uma versao publica do "meu querido diario" e varias vezes desisti de escrever alguns posts por medo de dar muitos detalhes da minha vida pessoasl assim de graca na Internet.

No final restaram as letras de musicas e os videos do Youtube que servem para ilustrar um sentimento ou uma fase que eu esteja vivendo. Coisas que fazem muito sentido para mim mas nem sempre fazem sentido para os leitores.

Tudo isso para perceber que ser um bom blogueiro nao 'e tarefa pequena. Que encontrar o equilibrio entre o que eu POSSO e o que e DEVO dizer aqui nao 'e sempre facil. Mas quem disse que eu tenho que fazer apenas o que 'e facil?? Assim sendo, resolvi contimuar tentando...

Just bear with me!!

Q

10 comments:

marcelo said...

Entendo a dificuldade e o trabalho em manter o blog, mas é uma tarefa algumas vezes recompensadora.

Parabéns pela decisão.

abraço!

Luh said...

Entendo exatamente a situacao. Ja passei por isso tambem. Troquei o nome e endereco do blog :) e ainda estou tentando...

Beijos,
Lucia

Adriana said...

Oi Queila,
No problem! Eu entendo o que você diz de ter gente folgada mesmo... Eu já passei e ainda passo por isso hoje em dia, mas por outras vias, não mais o blog. Às vezes você mastiga, mastiga a informação para alguém coloca tudo o que você sabe sobre o assunto X em um formato que qualquer um poderia usar... daí vem um sem noção e pergunta, com aquela folga, "ah, me dê todas as dicas do assunto X." Pô, não tá vendo, bem embaixo do seu nariz?! Sei como é frustrante! Mas é claro que sempre há exceções de gente bacana realmente precisando de uma mãozinha.

Sobre o blog... eu parei o meu bem por esse motivo, a falta de vontade de ficar sharing experiências pessoais com o mundo. Mas sinto falta dos amigos daquela época, com quem a gente sempre trocava mensagem.

Beijo! Se cuida,
adriana

Carolina said...

Oi Teté!

Recebi o seu catão só hoje!! Sooo cute! Estou muito feliz e orando por vocês! Eu e o Jerry estamos planejando dirigir até Montreal no verão quando eu tiver um break na facu!
Love you sis!!

Iascula said...

Ola Queila,concordo com você em genero, numero e grau, estou em Montreal a 3 anos,ja recebi cada e-mail de arrancar os cabelos,as pessoas nao se dao ao trabalho de procurar nada, querem tudo de mao beijada.
Abraços
Iascula

Isabela said...

Oi, Queila!

Meu, eu gosto do seu blog e fico feliz que vai mantê-lo. Quem quiser informações sobre adaptação no Québec e etc, que vá no histórico do seu blog (tem muita coisa) ou procure outros mais específicos. Sobre o blog não ter comentários, nem ligue. Eu não ligo.

[]s

Isabela.

Anonymous said...

Olá Queila;
Faz um bom tempo q leio seu Blog, gosto muito dele,mas nunca deixei nenhum comentário. Moro em Toronto há 4 anos e resolví te escrever para dizer q sou solidaria aos seus sentimentos, realmente tem muita gente q não conhece os limites da camaradagem. Um Blog, embora eu nao tenha, acho q é um espaço para compartilhar coisas com o seu jeito e é isso q os torna interessantes e diferentes. Meu incentivo é q vc continue a fazer aquilo q vc gosta do seu jeito! Felicidades! Abraço Lígia

Re e Li said...

Oi Queila, fico feliz que vc irá manter seu blog.
Como vc mesma disse, já passei várias vezes por aqui e foram raras as vezes que deixei um comentário. Desculpe minha omissão. Também sou dentista, mas o objetivo da minha visita é saber um pouco sobre a cultura e o estilo de vida no Canadá. Não quero te chatear com perguntas de caráter profissional!
Obrigada por dividir um pouco de sua vida com a gente!
Bjs
Renata

Anonymous said...

Será um prazer continuar acompanhando o teu web-log.

Continue sendo feliz!
Saudações,

Ed

Flávia R S said...

Por favor não desista do blog, obtive muitas informações interessantes através dele e nunca postei nada,só sou de visitar obrigada! Flávia (flaviasabino@hotmail.com)